Vida E Trabalho Das Mulheres Catadoras De Resíduos Sólidos No Aterro Municipal De Manaus : Um Olhar Para A Comunidade Lagoa Azul – Wanja Socorro De Sousa Dias Leal

Vida E Trabalho Das Mulheres Catadoras De Resíduos Sólidos No Aterro Municipal De Manaus : Um Olhar Para A Comunidade Lagoa Azul – Wanja Socorro De Sousa Dias Leal
Acessar

Resumo:

A temática do crescimento econômico sempre pautou as discussões empreendidas por cientistas, analistas financeiros e comissões técnicas nas economias avançadas ou emergentes. Majoritariamente, tais estudos se concentravam em indicadores objetivos que mediam os índices de produção e lucratividade, deixando de fora questões fundamentais como a degradação ambiental, a pobreza e a desigualdade de gênero. A busca por alternativas que possibilitem a sobrevivência tem levado uma parcela de trabalhadores, especialmente as mulheres a encontrarem, na catação de resíduos sólidos, uma forma de geração de renda, a partir do estabelecimento de relações autogestionárias e solidárias. O ponto central deste estudo se assenta na observância da expressiva presença de mulheres que sobrevivem da atividade de coleta e seleção de resíduos sólidos em Manaus. Por meio de nossa pesquisa verificamos a condição paradoxal do trabalho feminino nas cooperativas de reciclagem da AMMAR e Instituto Ambiental Dorothy Stang, zona Norte de Manaus, que foram criados para retirar as famílias que exerciam essa atividade no antigo Aterro Municipal da capital, destacando as lutas empreendidas pelas catadoras, em prol de sua cidadania. Verificamos que essas trabalhadoras, mesmo enfrentando a invisibilidade social de sua atividade, o preconceito e a ausência de políticas públicas, não desistem de lutar pelo seu reconhecimento social. Elegemos neste estudo três categorias analíticas que, nos últimos tempos, vêm adquirindo relevância nas ciências sociais: Meio ambiente, Relações de Gênero e Trabalho. Esperamos com isso, propiciar maior visibilidade ao trabalho dessas mulheres, mostrando que esta é uma realidade permeada pelas desigualdades econômicas e por fatores como: raça, gênero e classe.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: UFAM/SERVIÇO SOCIAL
  • Área de Conhecimento: SERVIÇO SOCIAL
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2010
  • Tamanho: 2.22 MB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF: