Tradução, Adaptação Transcultural E Propriedades Psicométricas Do Youth Risk Behavior Survey Questionnaire: Versão 2007 – Cynthia Correa Lopes

Tradução, Adaptação Transcultural E Propriedades Psicométricas Do Youth Risk Behavior Survey Questionnaire: Versão 2007 – Cynthia Correa Lopes
Acessar

Resumo:

A adolescência é um período em que os jovens estão suscetíveis a fatores que influenciam a adoção de comportamentos relacionados à saúde. A opção por comportamentos que oferecem risco à saúde pode implicar em conseqüências negativas a curto e a longo prazo. O uso de drogas e o consumo excessivo de bebidas alcoólicas são associados a homicídios e a acidentes de trânsito – as principais causas de morte entre jovens. A longo prazo; comportamentos como hábitos alimentares inadequados e prática insuficiente de atividade física; podem resultar em inúmeras doenças crônico-degenerativas. Desta maneira; torna-se importante identificar a prevalência de comportamentos de risco para a saúde entre os jovens; estabelecer os fatores associados à adoção do comportamento indesejado e propor estratégias de promoção de um estilo de vida saudável. Diante da necessidade de reunir informações relacionadas aos comportamentos de risco para a saúde entre os jovens brasileiros e da inexistência de um instrumento capaz de monitorar com precisão os principais comportamentos relacionados à saúde; o presente estudo tem como objetivo a tradução para o idioma português; a adaptação transcultural e a identificação das propriedades psicométricas do Youth Risk Behavior Survey Questionnaire (YRBS); versão 2007. O estudo foi desenvolvido em três etapas: (a) tradução do idioma inglês para o português seguindo a metodologia de tradução sugerida pela Organização Mundial da Saúde; (b) adaptação transcultural mediante a apreciação do modelo de equivalência segundo a perspectiva universalista; e (c) identificação das propriedades psicométricas: reprodutibilidade e consistência interna; mediante a aplicação do questionário em réplica com intervalo de 14 dias; em uma amostra aleatória estratificada proporcional; constituída por 873 escolares com idades entre 14 e 21 anos; matriculados na rede pública de ensino médio do município de Londrina-Paraná. A análise estatística incluiu indicadores associados à estatística descritiva; ao cálculo do índice de concordância kappa; às taxas de prevalência da primeira e da segunda aplicação do questionário e à estimativa do α Cronbach. Após discretas modificações evidenciadas pelos processos de tradução e adaptação à cultura brasileira; o instrumento foi chamado de YRBS – BRASIL. A identificação de 90;6% das questões com índice de concordância kappa entre moderado-a-substancial; o valor médio desse índice em 68;6%; a diferença significativa entre as taxas de prevalências de ambas as aplicações em 23;4% das questões; e o valor médio do α Cronbach de 0;86; indicaram a qualidade das propriedades psicométricas do YRBS – BRASIL. Conclui-se que o YRBS – BRASIL é um instrumento capaz de reunir informações relacionadas aos comportamentos de risco para a saúde entre os jovens brasileiros.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: UEL/EDUCAÇÃO FÍSICA – UEL – UEM
  • Área de Conhecimento: EDUCAÇÃO FÍSICA
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2008
  • Tamanho: 1.32 MB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF: