Sondagens Eletrécas Verticais Aplicadas À Interpretação De Horizontes Pedológicos De Uma Vertente Em Campo Verde, Mt – Carlos Antonio Moraes Machado

Sondagens Eletrécas Verticais Aplicadas À Interpretação De Horizontes Pedológicos De Uma Vertente Em Campo Verde, Mt – Carlos Antonio Moraes Machado
Acessar

Resumo:

Foi utilizado o método da Eletroresistividade e aplicado a técnica da Sondagem Elétrica Vertical – SEV para determinar a espessura das camadas e as respectivas resistividades elétricas do solo e do substrato rochoso ao longo de uma vertente na micro bacia do Córrego da Ilha, no município de Campo Verde, MT. As rochas mapeadas são da Formação Cachoeirinha e cobertas por latossolos. Através de cinco SEV’s, espaçadas a cada 100 m, e com AB/2 igual a 130m (exceção da primeira com 240m) foram obtidas as curvas de resistividade aparente, que foram modeladas pelo método do ajuste semi-automático tendo sido aplicado o processo de regressão por mínimos quadrados, assumindo um modelo de camadas horizontalizadas. Os modelos gerados indicam camadas com espessuras e respectivas resistividades elétricas que foram interpretados comparando-se com as observações de trincheiras e sondagens a trado efetuadas ao longo da vertente. Foi possível construir uma coluna geoelétrica para cada SEV mostrando as espessuras das camadas e as variações de resistividade elétrica associados aos dados de pedologia e litologia obtidos. Em função da abertura dos eletrodos AB/2 ≥ 1,0 m, não foi possível identificar as variações das resistividades elétricas relacionadas aos horizontes de espessuras menores que 0,30 m. Observaram-se variações nos valores de resistividade elétrica entre Latossolo Vermelho-Amarelo e Latossolo Vermelho. Por meio das variações de resistividade elétrica obtidas para a terceira camada das SEV’s foi possível distinguir o substrato rochoso, associado à Formação Cachoeirinha, iniciando a uma profundidade média de 4,7 m e atingindo a profundidade média aproximada de 26,8 m. A associação dos dados geofísicos com os dados de pedologia e litologia permitiram a construção de uma seção geoelétrica representativa do intervalo onde foram localizadas as SEV’s ao longo da vertente estudada.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: UFMT/FÍSICA AMBIENTAL
  • Área de Conhecimento: MULTIDISCIPLINAR
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2007
  • Tamanho: 5.58 MB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF: