Aspectos Biológicos E Taxa De Consumo De Orius Insidiosus (Say, 1832) (Hemiptera: Anthocoridae) Predando Plutella Xylostella (L., 1758) (Lepidoptera: Plutellidae) – Juliana Pires Brito

Aspectos Biológicos E Taxa De Consumo De Orius Insidiosus (Say, 1832) (Hemiptera: Anthocoridae) Predando Plutella Xylostella (L., 1758) (Lepidoptera: Plutellidae) – Juliana Pires Brito
Acessar

Resumo:

O trabalho foi desenvolvido no Laboratório de Biologia e Criação de Insetos (LBCI) da FCAV – UNESP – Jaboticabal, para avaliar os aspectos biológicos e a taxa de consumo do predador Orius insidiosus (Say, 1832) (Hemiptera: Anthocoridae), alimentando-se de ovos e lagartas de segundo ínstar de Plutella xylostella (L., 1758) (Lepidoptera: Plutellidae) e em ovos de Anagasta kuehniella (Zeller, 1879) (Lepidoptera: Pyralidae) (considerado tratamento testemunha). Para as espécies estudadas, O. insidiosus apresentou um período ninfal maior quando alimentado com lagartas de P. xylostella. O consumo total, durante a fase ninfal, foi maior quando alimentados com ovos de A. kuehniella, ovos e lagartas de P. xylostella, respectivamente. Na fase adulta, o período de pré-oviposição foi menor para os insetos alimentados com lagartas de P. xylostella, o que resultou em um encurtamento nessa fase biológica do predador. Os ovos de P. xylostella foram nutricionalmente mais adequados ao desenvolvimento de O. insidiosus. Para os ovos de P. xylostella, O. insidiosus apresentou curva de resposta funcional tipo II e mostrou uma tendência de estabilização nas densidades mais altas. A taxa de ataque (a) foi de 0,0127 ovos/hora e 0,00233 lagartas/hora e o tempo de manipulação (Th) foi de 1,4037 horas e de 2,7903 horas, para ovos e lagartas de P. xylostella, respectivamente.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: UNESP/JAB/AGRONOMIA (ENTOMOLOGIA AGRÍCOLA)
  • Área de Conhecimento: AGRONOMIA
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2009
  • Tamanho: 360.51 KB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF: