A Prática Regular De Cálculo Mental Para Ampliação E Construção De Novos Procedimentos De Cálculo Por Alunos Do 4º E 5º Ano Do Ensino Fundamental – Sheila Denise Guimarães

A Prática Regular De Cálculo Mental Para Ampliação E Construção De Novos Procedimentos De Cálculo Por Alunos Do 4º E 5º Ano Do Ensino Fundamental – Sheila Denise Guimarães
Acessar

Resumo:

Este estudo teve como objetivo investigar a natureza do cálculo mental e suas contribuições para a aprendizagem dos conceitos aditivos e multiplicativos de alunos do 4º e 5º ano do Ensino Fundamental; em situações didáticas vivenciadas de forma dialógica. A investigação proposta se baseou na seguinte questão investigativa: Quais são as estratégias de cálculo mental utilizadas pelos alunos durante a resolução de atividades que envolvem operações aditivas e multiplicativas? Para isso; utilizamos como referenciais teóricos os estudos sobre a Teoria dos Campos Conceituais e sobre a Teoria das Situações. O desenvolvimento experimental da pesquisa se pautou na Engenharia Didática e foi realizado com alunos do Ensino Fundamental de uma escola particular de ensino de Campo Grande/ MS que cursaram o 4º ano no segundo semestre de 2007 e o 5º ano em 2008. Os resultados indicam que: 1) as principais estratégias mobilizadas pelos alunos se concentram em cinco grupos (reproduzir mentalmente o algoritmo; realizar a sobrecontagem com o auxílio dos dedos; usar regras automatizadas; usar propriedades dos números e das operações e realizar cálculos baseando-se na percepção de algumas regularidades dos números anunciados); 2) a verbalização permitiu a troca de informações e conhecimentos; revelando; muitas vezes; o modo particular de cada um ver e fazer a matemática; 3) ouvindo; raciocinando e falando sobre cálculo mental os alunos incorporaram novas estratégias ao repertório numérico;4) os teoremas mobilizados foram adicionados gradativamente ao repertório do grupo pesquisado; à medida que os mesmos eram introduzidos nas discussões. Avaliamos que a dinâmica instaurada em nossa pesquisa deveria ser incorporada à prática dos professores; pois favoreceu o conhecimento das concepções numéricas dos alunos e contribuiu para o desenvolvimento de um ensino mais efetivo. Dessa maneira foi possível insistir naqueles aspectos em que os alunos cometiam erros; antecipando suas respostas e descrevendo estratégias para a correção das mesmas; conduzindo-os a abandonar suas antigas estratégias para adotarem novas; mais eficientes; agregando novos conceitos e significados ao conhecimento matemático.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: UFMS/EDUCAÇÃO
  • Área de Conhecimento: EDUCAÇÃO
  • Nível: Doutorado
  • Ano da Tese: 2009
  • Tamanho: 1.17 MB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF: