Transformações Na Pecuária Mista Na Região De Basalto Do Uruguai: Uma Análise Comparativa Entre 1994 E 2008 – Italo Jesus Malaquin Moreira

Transformações Na Pecuária Mista Na Região De Basalto Do Uruguai: Uma Análise Comparativa Entre 1994 E 2008 – Italo Jesus Malaquin Moreira
Acessar

Resumo:

Tradicionalmente, os estudos que tinham a exploração pecuária como foco, se limitavam a análise de seus indicadores produtivos e econômicos, ou seja, dava-se um enfoque parcial, setorial ou disciplinar. Igualmente, de um ponto de vista estático e baixo equilíbrio. Por sua vez, a exploração pecuária é um sistema aberto, submetido à influência de um entorno que denominamos ambiente, e que, gerido pelo pecuarista, persegue determinadas finalidades. Por conseqüência, a exploração pecuária é sensível a um amplo leque de fatores de natureza biofísica, sociológica, econômica e de políticas. Neste sentido, as explorações pecuárias como sistemas sociais, são dinâmicas, reativas ou evolutivas, o que significa que as características mais importantes aparecem ao longo do tempo. Por isso, o estudo dos sistemas pecuários requer a consideração explícita da dita variável, tempo. O presente estudo pretende dar resposta a seguinte questão: que mudanças aconteceram nas explorações pecuárias da região de Basalto como reação aos condicionantes do entorno socioeconômico, em constante mudança, mas também, dependentes de fatores e características internas a própria exploração? A região de Basalto, a mais extensa do Uruguai, correspondente a 21% do território nacional, é caracterizada fundamentalmente por estar associada a sistemas extensivos de produção pecuária de baixa produtividade e investimento, onde pastoreiam conjuntamente, bovinos e ovinos. A abordagem metodológica utilizada neste estudo baseou-se na comparação do processamento de informações correspondentes aos anos 1994 e 2008, utilizando como ferramenta, entrevistas dirigidas as mesmas explorações pecuárias da região de Basalto com áreas superiores a 200 hectares. O reconhecimento das mudanças ocorridas nos sistemas pecuários da região de Basalto, no marco das transformações recentes do setor agropecuário do Uruguai, é fundamental para explorar evoluções distintas da pecuária extensiva daquela região, apesar da incerteza a respeito das políticas agrárias dos condicionantes socioeconômicos. Os resultados encontrados sugerem a existência de fatores que ameaçam a continuidade das explorações pecuárias em longo prazo e, conseqüentemente, a sustentabilidade dos ecossistemas pastoris. Estes fatores são de natureza diversa: ambientais econômicos e sociais.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: UFRGS/DESENVOLVIMENTO RURAL
  • Área de Conhecimento: INTERDISCIPLINAR
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2009
  • Tamanho: 498.25 KB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF: