Transformações Das Formas Do Fósforo Em Ecossistemas Lóticos: Estudo De Caso Em Duas Nascentes Na Região Do Médio Rio Doce (Mg), Utilizadas Para Plantio De Eucalyptus Sp. – Andressa Rocha Lima

Transformações Das Formas Do Fósforo Em Ecossistemas Lóticos: Estudo De Caso Em Duas Nascentes Na Região Do Médio Rio Doce (Mg), Utilizadas Para Plantio De Eucalyptus Sp.  – Andressa Rocha Lima
Acessar

Resumo:

A disponibilidade de fósforo exerce fundamental controle sobre a ecologia de rios de menor ordem em áreas de reflorestamento; onde há uma forte ligação entre as espécies químicas inorgânicas de P na água e o manejo florestal. No entanto; pouca atenção é dada às espécies orgânicas de P. Durante 14 meses; esse estudo determinou as concentrações de P inorgânio e orgânico (particulado e dissolvido) em amostras mensais da água de dois rios de 2ª ordem drenando plantios de Eucalyptus no médio rio Doce (M.G.). O P também esteve presente primariamente como espécies orgânicas; com o P inorgânico muitas vezes abaixo do limite de detecção do método (10 ?g PO4 – P). Em relação ao N; a mediana da concentração N-Total foi 96 vezes maior que a mediana de concentração de P-Total. Baseados nos resultados para P; uma marcada limitação de organismos aquáticos por P – PO4 existe; e que o P orgânico particulado está sendo transformada em P orgânico dissolvido. O tempo de residência da água na bacia; entretanto; é insuficiente para uma completa mineralização do P. A jusante das bacias estudadas; esses nutrientes orgânicos podem ser transformados em inorgânicos e afetar o estado trófico de rios maiores. O presente estudo também avaliou o uso de Batrachospermum delicatulum (Rodophyta; Batrachospermales); para se estimar a dinâmica de P através da medição de variações morfológicas (pêlos). Também se estimou a liberação de P de folhas e galhos de Eucalyptus e floresta nativa na água. Foram observadas correlações positivas e significativas entre o comprimento de pêlos em Batrachospermum delicatulum e o P-Orgânico Total; P-Total e os meses de amostragens. B. delicatulum mostrou-se também boa monitora para metais; principalmente para as concentrações de Fe na água. A determinação alóctone dos nutrientes sugere que o litter pode ser uma fonte significativa de P para o curso d’água; em virtude das concentrações encontradas e também levando em conta a quantidade de material que é depositada ao logo do ano. Os dados realçam a importância de incluir a pesquisa de nutrientes nas espécies orgânicas quando se avalia a qualidade de águas em áreas de reflorestamento.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: UNILESTE/ENGENHARIA
  • Área de Conhecimento: ECOLOGIA
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2008
  • Tamanho: 2.62 MB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF: