Trajetórias De Vida, Constituição Profissional E Autonomia De Professores – Kelen Dos Santos Junges

Trajetórias De Vida, Constituição Profissional E Autonomia De Professores – Kelen Dos Santos Junges
Acessar

Resumo:

Este trabalho tem como objetivos principais identificar, descrever e analisar o processo de constituição e autonomia profissional docente. Parte-se da análise das funções da escola na sociedade, compreendendo que as concepções de formação de professores assumiram estas mesmas funções no decorrer da história da educação brasileira. A abordagem histórico-cultural, fundamentada em Vigotski, ajuda a explicar o processo de constituição e autonomia profissional docente, numa perspectiva dinâmica e contínua de internalização do social para o individual. Adota-se a história oral de vida como recurso metodológico para se cumprir os objetivos propostos, utilizando-se de um roteiro semi-estruturado, para entrevistar quatro professores da educação básica dos municípios de Porto União/SC e de União da Vitória/PR, selecionados a partir de critérios previamente estabelecidos. As histórias orais de vida dos Sujeitos são analisadas a partir de três grandes eixos: percurso pessoal, percurso formativo e percurso profissional, dos quais emergiram elementos da constituição e autonomia profissional docente. No percurso pessoal, tais elementos dizem respeito a experiências da infância, juventude e constituição da família, destacando-se a internalização de valores e normas de comportamento relativos à obediência como aspecto comum entre os Sujeitos. O percurso formativo trouxe elementos da escolarização básica, formação acadêmica e extra-acadêmica. No que concerne à escolarização básica, destacam-se os seguintes elementos: as dificuldades enfrentadas para estudar, a internalização de normas aprendidas no ambiente familiar, os modelos de professores, a relação entre escolha profissional e questões de gênero e os estágios curriculares. Na formação acadêmica destacam-se as motivações presentes na escolha do curso de Ensino Superior e as contribuições dessa formação para o exercício profissional docente. Os elementos que se destacam na formação extra-acadêmica são o ambiente de trabalho do professor, as exigências dos cargos e funções ocupadas nas instituições nas quais os professores trabalharam ou trabalham e a dedicação à pesquisa. O percurso profissional revela elementos do início e desenvolvimento da carreira docente, do cotidiano profissional e das realizações e obstáculos do percurso profissional. O início e desenvolvimento da carreira aponta os seguintes elementos: as formas de ingresso na carreira, as primeiras experiências no magistério, as oportunidades de carreira na educação além da docência, a participação em entidades de classe e a política educacional vivenciada pelos Sujeitos. O cotidiano profissional denota elementos como os contextos colaborativos entre os docentes, a concepção de coletivo e a influência de cotidianos não-escolares. Com relação às realizações e aos obstáculos do percurso profissional, destacam-se o convívio com os alunos como elemento de realização e, o relacionamento com colegas de trabalho, as más condições de trabalho e a organização escolar, como obstáculos da carreira docente. Como resultado final, considerou-se que o processo de constituição profissional do professor e de sua autonomia se dá durante toda a sua trajetória de vida, a partir das relações sociais que estabelece e da maneira como as internaliza. É um processo histórico-cultural.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: UEPG/EDUCAÇÃO
  • Área de Conhecimento: EDUCAÇÃO
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2005
  • Tamanho: 405.56 KB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF: