Trajetórias De Exclusão: O Aluno Do Supletivo E Seu Cotidiano Escolar – Erica Martelini Messias Borin

Trajetórias De Exclusão: O Aluno Do Supletivo E Seu Cotidiano Escolar – Erica Martelini Messias Borin
Acessar

Resumo:

Esta dissertação tem como foco de estudo o cotidiano escolar de alunos do supletivo; investigando como ocorreu a trajetória destes. O objetivo geral foi refletir sobre aspectos do mundo contemporâneo; presentes no cotidiano escolar e; por meio da trajetória dos alunos; conhecer; desde sua exclusão do período regular; até seu retorno à escola; os motivos relacionados por eles que fizeram abandonar os estudos; assim como os que os levaram a retornar. Utiliza como referencial teórico de análise o conceito de “refugo humano”; desenvolvido por Baumam. Como procedimento de pesquisa foram realizadas entrevistas individuais com dez alunos dos ciclos III e IV (equivalente da 5ª à 8ª série) de uma escola municipal de Porto Feliz. A maioria dos alunos trabalha; reside na zona rural e urbana; é casada e a faixa etária variou entre dezessete e sessenta e três anos. Como análise dos resultados; foi possível identificar que; de modo geral; a maioria dos alunos que deseja retomar os estudos; ainda o deixa incompleto. Os alunos entrevistados apontam uma trajetória no ensino regular de dificuldades pessoais associada à falta de oportunidades concretas oferecidas pelo Estado. Ficou evidente; nos entrevistados; o sonho em estudar; porém são muitos os obstáculos colocados ao longo de suas trajetórias de vida. Na comparação com o previsto em lei; para alunos que não conseguiram cumprir escolaridade regular; as condições de sala de aula; horários; entre outros; são obstáculos para a continuidade dos estudos. O refugo humano é identificado nesta população por sua exclusão da realidade social; por uma inadequação definida pela própria sociedade.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: UNISO/EDUCAÇÃO
  • Área de Conhecimento: EDUCAÇÃO
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2009
  • Tamanho: 1.35 MB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF: