Traduções, Adaptações, Apropriações: Reescrituras Das Peças Hamlet, Romeu E Julieta E Otelo, De William Shakespeare – Marilise Rezende Bertin

Traduções, Adaptações, Apropriações: Reescrituras Das Peças Hamlet, Romeu E Julieta E Otelo, De William Shakespeare – Marilise Rezende Bertin
Acessar

Resumo:

A presente dissertação consiste em um estudo a respeito de algumas reescrituras de três peças de William Shakespeare; a saber: Hamlet; Romeu e Julieta e Otelo. Em um primeiro momento; termos como tradução; tradução literal; tradução livre; reescritura; adaptação; atualização; apropriação; condensação e recriação serão abordados com o propósito de compreender o processo de traduções interlinguais e intralinguais. A análise das teorias de Hans J. Vermeer e Georges L. Bastin será de suma importância para justificar e exemplificar traduções não tão fiéis (adaptações) e que são direcionadas a públicos específicos. O estudo histórico de algumas “traduções” francesas trará compreensão acerca de alterações e omissões dos trechos eróticos; chulos e obscenos das quais o texto shakespeariano foi alvo. Finalmente; analisarei as adaptações bilíngües das três peças shakespearianas supracitadas; que elaborei com John Milton.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: USP/ESTUDOS LINGUÍSTICOS E LITERÁRIOS EM INGLÊS
  • Área de Conhecimento: LETRAS
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2008
  • Tamanho: 793.90 KB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF: