Tradição, Família E Propriedade (Tfp): As Idiossincrasias De Um Movimento Católico (1960-1995) – Gizele Zanotto

Tradição, Família E Propriedade (Tfp): As Idiossincrasias De Um Movimento Católico (1960-1995) – Gizele Zanotto
Acessar

Resumo:

A presente tese tem como objetivo analisar as alterações e/ou cristalizações concernentes à doutrina; atuação e crenças dos membros da Sociedade Brasileira de Defesa da Tradição; Família e Propriedade (SBDTFP ou simplesmente TFP); associação civil e explicitamente confessional católica fundada no ano de 1960 por um grupo de leigos liderados por Plínio Corrêa de Oliveira (1908-1995). Nossa proposta contemplará o estudo da doutrina e vivência dos membros da TFP do Brasil no período de 1960 a 1995 delimitado; respectivamente; pela sua fundação na cidade de São Paulo (de onde se expandiu para todo o país e exterior) e pelo falecimento de seu líder máximo. Partindo da constatação da duplicidade de discurso e prática dos membros da TFP; iremos destacar a dogmática que rege sua atuação pública (pautada em elementos da reação; conservadorismo e contra-revolução); avaliando seu grau de filiação ao catolicismo (em especial; destacando a utilização seletiva de inúmeros documentos do magistério da Igreja visando conjugá-los – quando possível – com o pensamento sistematizado pelo seu fundador); assim como analisar os elementos que configuraram um grupo religioso de veneração ao líder no interior de suas fileiras. Para tanto salientaremos a importância da mudança nas suas formas de recrutamento; a adoção de um modelo monacal em suas sedes; a preocupação com o controle de mentes e corpos; a tensão entre apostolado e ascetismo e a paulatina alteração do status de seu fundador: de líder a mártir; profeta e santo.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: UFSC/HISTÓRIA
  • Área de Conhecimento: HISTÓRIA
  • Nível: Doutorado
  • Ano da Tese: 2007
  • Tamanho: 17.69 MB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF: