Trabalho: Vilão Ou Salvação? Sofrimento Psíquico E Alcoolismo Entre Servidores Técnico-Administrativos Da Universidade Federal Do Ceará – Sylvana Gomes Holanda

Trabalho: Vilão Ou Salvação? Sofrimento Psíquico E Alcoolismo Entre Servidores Técnico-Administrativos Da Universidade Federal Do Ceará – Sylvana Gomes Holanda
Acessar

Resumo:

O alcoolismo tem afetado entre 10 a 15 % dos trabalhadores brasileiros e tem sido um problema identificado também no serviço público. O objetivo desse trabalho é investigar o fenômeno do alcoolismo presente entre servidores técnico-administrativos da Universidade Federal do Ceará; buscando estabelecer interfaces entre a dependência química; o trabalho e o sofrimento psíquico. Para fins da análise proposta; identificamos um grupo de 52 servidores com indicação de dependência química e que haviam sido acompanhados pelo serviço de orientação do órgão de RH da Universidade nos últimos dez anos. Entre eles selecionamos cinco para serem entrevistados. Utilizamos entrevista semi-estruturada; realizada individualmente; abordando temas como história familiar; aquisição do vício químico; ingresso no serviço público; condição de realização do trabalho na função; sentido atribuído às tarefas realizadas; relacionamento com chefias; etc. As entrevistas foram transcritas e analisadas através da técnica de análise de conteúdo; o que permitiu levantar algumas categorias que serviram de base para a discussão do problema proposto. Os resultados revelam que esses servidores; em sua maioria; têm história de alcoolismo na família e já apresentavam o problema antes do ingresso no serviço público. Em relação ao trabalho; por um lado; o vêem como fonte de sobrevivência e porto seguro; diante de um cenário de precarização e escassez do emprego; por outro; o identificam como causador de sofrimento por ser vazio de sentido; atuando; por isso; como coadjuvante na manutenção da dependência química. O fato; entretanto; de quatro desses servidores estarem conseguindo manter-se distantes do álcool graças a apoio psicossocial e também à mudança para uma função na qual sentem-se reconhecidos como trabalhadores competentes; leva a crer que o trabalho; quando dotado de sentido positivo para o trabalhador; atua como coadjuvante importante também na recuperação e na manutenção da sobriedade.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: UFC/PSICOLOGIA
  • Área de Conhecimento: PSICOLOGIA
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2007
  • Tamanho: 1.05 MB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF: