Toxicidade Do Tório (Iv) Para Microalgas Verdes Dos Gêneros Monoraphidium E Scenedesmus – Juliana Cristina De Queiroz

Toxicidade Do Tório (Iv) Para Microalgas Verdes Dos Gêneros Monoraphidium E Scenedesmus – Juliana Cristina De Queiroz
Acessar

Resumo:

Avaliou-se a toxicidade de tório nas espécies de microalgas verdes Monoraphidium sp. e Scenedesmus sp. As microalgas foram inoculadas em meio ASM-1 com e sem presença de tório (meio em pH 8,0 e 6,0 isentos de tório controle e meio em pH 6,0 com concentrações de 0,5 a 100,0 mg/L Th). Seu efeito foi monitorado por contagem direta em câmara de Fuchs-Rosenthal e por software desenvolvido pelo grupo durante o experimento. A diferença entre os valores de pH não influenciou o crescimento das microalgas, sendo o pH 6,0 o escolhido por não comprometer a solubilidade do tório. A toxicidade do metal foi observada apenas nas concentrações acima de 50,0 mg/L. A cultura de Monoraphidium sp. contendo 6,25×105 microrganismos/mL iniciais atingiu 5,52×107 microrganismos/mL no meio com 10,0mg/L Th, contra 8,57×106 microrganismos/mL no meio com 100,0 mg/L Th. O controle chegou a 2,51×107 microrganismos/mL ao final do experimento. A espécie Scenedesmus sp. se mostrou mais resistente à presença do tório. Baixas concentrações do radionuclídeo favoreceram o crescimento das microalgas. A cultura inicial, com 7,65×105 microrganismos/mL chegou a 2,25×106 microrganismos/mL no controle e a 5,87×106 microrganismos/mL no meio com 0,5 mg/L Th ao final do experimento. O software desenvolvido foi muito eficaz na melhoria da exatidão dos resultados e diminuição da incerteza de contagem, além de permitir o registro das medições. Os resultados permitem sugerir que baixas concentrações de tório têm efeito positivo no fitoplâncton, propondo o emprego destas espécies para estudos ecotoxicológicos. Palavras-chave: biorremediação, microalgas, Monoraphidium, Scenedesmus, toxicidade, Tório

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: IRD/RADIOPROTEÇÃO E DOSIMETRIA
  • Área de Conhecimento: Área Não Informada
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2009
  • Tamanho: 2.42 MB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF: