Tipologia E Conteúdo Das Interações Entre Mudanças Organizacionais, Liderança E Atores Externos: Um Estudo Na Itaipu Binacional – Edvin Kalil De Freitas Granville

Tipologia E Conteúdo Das Interações Entre Mudanças Organizacionais, Liderança E Atores Externos: Um Estudo Na Itaipu Binacional – Edvin Kalil De Freitas Granville
Acessar

Resumo:

O mundo está mais dinâmico e a mudança desafia a estabilidade; surgem novos valores que até então eram inexistentes; e a sociedade está cada vez mais virtual e subjetiva (andrógena e transgênica). O trabalho e o lazer estão em destaque; de forma cada vez mais interdisciplinar; multilingüístico; multifuncional; com informação massificada; temas e equipes transversais. Tudo isso integrado em rede; atualizado em tempo real. O mundo agora é global; conectado; pós-moderno; está na “Era do Conhecimento”. No cenário industrial; a capacidade para adquirir; absorver e assimilar o conhecimento desse ambiente como insumo para a mudança é uma capacidade não somente apreciada; mas também necessária. O objetivo deste trabalho é analisar como os Líderes de Média Gerência (LMGs) da Itaipu Binacional interagiram na troca de conhecimento com os Atores Externos (ATEXs) para aumentar a legitimidade de suas ações; e por conseqüência; ampliar sua influência sobre os processos de mudança organizacional durante o período compreendido entre 1995-2005. Para isso são caracterizadas as mudanças recentes mais críticas e importantes da empresa; bem como a influência dos líderes nesses processos; associada ao seu contato com atores externos à organização. Trata-se de estudo teórico-empírico; cuja estratégia de pesquisa é o estudo de caso apoiado pelas técnicas de análise de conteúdo; análise de rede e corte transversal com perspectiva longitudinal por meio do resgate histórico. A mudança atua como um delimitador de tempo e espaço que permite localizar essas redes colaborativas; bem como estabelecer uma tipologia para elas. Como variáreis principais estão a liderança organizacional; a mudança e o ator externo. Conforme se verificou; a atuação da liderança varia de acordo o tipo de mudança; que depende do seu contexto e das forças ambientais que a afetam. Foi possível identificar indícios que permitiram formular hipóteses a respeito da existência de diferentes tipos de redes de interação; caracterizadas não somente por seu conteúdo; mas também por diferentes interesses intrínsecos e distintos impactos/respostas; que exigiram diferentes posturas dos líderes. O que se constatou foi a atuação de líderes de diferentes níveis organizacionais; e até mesmo um caso de liderança distribuída ou difusa; em que não foi possível estabelecer influência dos líderes como causa do processo. Entre as variáveis foram estabelecidas relações de legitimidade e de transmissão do conhecimento por meio da Capacidade Absortiva (ACAP). Após a comparação entre as mudanças foram formuladas algumas hipóteses no intuito de se explicar ou de se buscar possíveis relações.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: UFPR/ADMINISTRAÇÃO
  • Área de Conhecimento: ADMINISTRAÇÃO
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2008
  • Tamanho: 5.11 MB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF: