Tesauros E Ontologias Sob A Luz Da Teoria Comunicativa Da Terminologia – Rodrigo De Sales

Tesauros E Ontologias Sob A Luz Da Teoria Comunicativa Da Terminologia – Rodrigo De Sales
Acessar

Resumo:

O acelerado desenvolvimento das tecnologias de informação e comunicação promove um avanço vertiginoso na veiculação do conhecimento. Tal fato incide diretamente na comunicação entre especialistas que; por meio de linguagens de especialidade; laçam mão de terminologias próprias e específicas para transmitirem conteúdos informacionais das mais diversas áreas científicas e tecnológicas. Linguagens Documentárias são modelos de representação do conhecimento que; servindo como instrumentos de controle terminológico; auxiliam o processo de indexação e recuperação de documentos por assunto. O tesauro é uma linguagem documentária caracterizada pela especificidade e pela complexidade existente no relacionamento entre os termos que comunicam o conhecimento especializado. A ontologia é um modelo de representação do conhecimento que; a exemplo do tesauro; é utilizada para representar e recuperar informação por meio de uma estrutura conceitual (no caso da ontologia o meio de ação é o informático). A presente pesquisa consiste sobretudo na identificação; por meio de uma pesquisa documental; de aspectos que aproximam e distanciam os fundamentos do tesauro e o da ontologia. Para tanto; foi empregado; no plano metodológico; o Método de Análise de Conteúdo de Laurence Bardin. No plano teórico; a pesquisa está fundamentada pela Teoria Comunicativa da Terminologia (TCT) de Maria Teresa Cabré; que zela pelo caráter comunicativo no ambiente científico e técnico; baseando-se no uso social da linguagem efetivamente utilizada por especialistas. Para a constituição do corpus de análise foram utilizadas as bases de dados da Library and Information Science Abstracts (LISA); da Wilson Library Literature and Information Science Full Text e da Biblioteca Digital de Teses e Dissertações do IBICT (BDTD). A análise dos resultados e interpretações proporcionaram significativas contribuições aos estudos dos modelos de representação do conhecimento; visto que inúmeras características semelhantes e diferentes entre tesauros e ontologias foram identificadas e comentadas. Constatou-se que ambos os instrumentos se aproximam no que diz respeito ao esclarecimento dos aspectos relativos aos termos e suas estruturas conceituais. Suas diferenças se acentuam na esfera das aplicações; pois os recursos informáticos que suportam as ontologias as concedem objetivos que vão além daqueles atribuídos aos tesauros.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: UFSC/CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO
  • Área de Conhecimento: CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2008
  • Tamanho: 1.43 MB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF: