Software Livre: Proposta De Boas Práticas Para Um Modelo Híbrido De Migração – Sain’T Clair Dos Santos Ramos Filho

Software Livre: Proposta De Boas Práticas Para Um Modelo Híbrido De Migração – Sain’T Clair Dos Santos Ramos Filho
Acessar

Resumo:

O Software Livre deixou de ser exclusividade do meio acadêmico; apresentandose como uma opção real para a solução de problemas de mercado. Prova disso é o uso cada vez mais freqüente no desenvolvimento de soluções customizadas e robustas em organizações públicas e privadas. Mais do que simples redução de custos com licenças de utilização; a adoção de Software Livre possibilita desenvolvimento tecnológico; diferenciação de produtos ou serviços; independência de fornecedor único e maior segurança na execução de processos. Outro fator relevante; referese à socialização do conhecimento; favorecido pela publicação e distribuição de códigofonte dos programas. Essas vantagens aplicadas a Organizações Públicas servem para promover aprimoramento das ações de governo com conseqüente melhoria no atendimento às demandas sociais. Esta dissertação baseada em pesquisa bibliográfica e internet; questionário e experiência profissional – apresenta boas práticas para um modelo de migração híbrida: Software proprietário para Software Livre. A pesquisa teve um caráter exploratório; a partir da qual se deduz que as organizações públicas do Estado de Pernambuco possuem cultura de software livre. Concluise que auxiliado com conjunto de boas práticas e um bom planejamento é possível fazer a inserção de software livre nessas instituições. Concluise ainda que o modelo híbrido (multiplataforma) de migração é a melhor maneira de se realizar a migração do software proprietário para software livre com o menor impacto cultural.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: UFPE/ENGENHARIA DE PRODUÇÃO
  • Área de Conhecimento: ENGENHARIA DE PRODUÇÃO
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2007
  • Tamanho: 2.65 MB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF: