Socialismo Petista: Práticas Discursivas Que Validam A Polêmica – Bianca Baptista Da Silva

Socialismo Petista: Práticas Discursivas Que Validam A Polêmica – Bianca Baptista Da Silva
Acessar

Resumo:

Com recentes mudanças do cenário político brasileiro, o Partido dos Trabalhadores surgiu, se consolidou e assumiu diversos cargos no legislativo e executivo nos últimos 30 anos. Com origem no movimento sindical, o partido elegeu seu maior líder, Luiz Inácio Lula da Silva, presidente do Brasil em 2002. Entretanto, em 2005, o partido sofreu grande crise quando teve sua auto-proclamada imagem de partido ético abalada pelo escândalo do mensalão. Acusado de não ser o mesmo PT, o partido viu uma dissidência de grande número dos seus fundadores. Haveria de fato um partido antes e depois do escândalo? Tal curiosidade inicial levou esta pesquisa a analisar os documentos oficiais do PT, para que se pudesse ter um panorama de suas mudanças, compreender o que o próprio partido dizia de si. Após as primeiras leituras verificou-se a recorrência da designação socialismo petista. Desse modo, esta pesquisa estabeleceu seu objetivo em apresentar diferentes sentidos de socialismo petista construídos em documentos oficiais do PT. Sob a perspectiva discursiva da Análise do Discurso (AD) de origem francesa, verificou-se que a polêmica era um elemento importante no material analisado. A partir do pressuposto teórico do dialogismo, instituído por Bakhtin (2006), e do conceito de polêmica desenvolvido por Maingueneau (1997), este trabalho pretendeu identificar os embates relevantes entre o Mesmo e o Outro petista para a construção da imagem do partido. Considerando a ascensão da legenda ao poder institucional e, conseqüentemente, o deslocamento de lugar de sua fala, esta pesquisa observou a mobilização de sentidos de socialismo petista em resoluções de duas plenárias nacionais: a primeira é a do 7º Encontro Nacional, realizado em 1990, quando o partido fazia parte da oposição ao governo federal, a segunda plenária é o III Congresso Nacional (2007), momento em que o partido já havia passado pela experiência de estar no governo federal e assumindo um segundo mandato ao reeleger Lula. A partir da idéia segundo a qual dizer novamente o que já fora dito mobiliza novos matizes de sentido, o conceito de paráfrase como ressonância de significação (Serrani,1991) também ajudou a compreender os diferentes sentidos de socialismo petista construídos pela polêmica no diálogo estabelecido entre as duas resoluções.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: UERJ/LETRAS
  • Área de Conhecimento: LETRAS
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2010
  • Tamanho: 667.08 KB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF: