Sobre A Fundamentação Do Conhecimento– Fichte E A Intuição Intelectual – Thiago Suman Santoro

Sobre A Fundamentação Do Conhecimento– Fichte E A Intuição Intelectual – Thiago Suman Santoro
Acessar

Resumo:

A presente tese investiga a idéia de fundamentação última do conhecimento a partir do conceito de intuição intelectual na obra de J. G. Fichte. O objetivo principal da investigação é indicar em que medida esse conceito central à doutrina-da-ciência pode auxiliar na superação do impasse epistêmico que o conhecimento discursivo acarreta. Mais especificamente; trata-se de avaliar criticamente o problema do dualismo epistêmico gerado pela intencionalidade da consciência; e o alcance da solução proposta por Fichte. Para tanto; primeiramente serão apresentadas três objeções à idéia de intuição intelectual; bem como à noção de fundamentação última; tal como realizadas por Kant; Hegel e Hans Albert. A segunda parte do trabalho faz uma análise da posição de Fichte; e de possíveis respostas suas a tais críticas; tomando como texto base a Segunda Introdução à Doutrina-da-Ciência (1797/8). Pretende-se indicar com essa análise o papel fundamental que o conceito de intuição intelectual desempenha no projeto fichtiano de fundamentação do saber. Por fim; na terceira parte do trabalho; pretende-se mostrar que a idéia de intuição intelectual está intimamente vinculada à idéia de insuficiência da razão discursiva. Nessa seção; realiza-se uma análise desse problema a partir do texto da Doutrina-da-Ciência de 1804; também com o intuito de examinar uma possível relação teórica entre duas fases do pensamento de Fichte.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: PUC/RS/FILOSOFIA
  • Área de Conhecimento: FILOSOFIA
  • Nível: Doutorado
  • Ano da Tese: 2009
  • Tamanho: 1.02 MB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF: