Propósitos Educacionais No Meio On Line: O Caso Dos Cursos De Inglês Gratuitos – Liane Dal Molin Wissmann

Propósitos Educacionais No Meio On Line: O Caso Dos Cursos De Inglês Gratuitos – Liane Dal Molin Wissmann
Acessar

Resumo:

Uma rápida busca na Internet permite encontrar um número expressivo de cursos gratuitos de inglês; representativos não só das possibilidades que esse novo meio oferece mas; também; da importância que a referida língua assumiu; principalmente devido ao domínio cultural e econômico dos países a ela relacionados. Assim; por meio desse trabalho; busquei investigar em que medida esses cursos conseguem viabilizar propósitos educacionais via meio on-line e identificar quais são as abordagens de ensino implícitas no corpus encontrado. Ainda; tendo como ponto de partida a natureza cultural e social da aprendizagem (Vygotsky; 1934: 117-131) e; que as negociações envolvendo troca de informações na interação auxiliam na aquisição da língua estrangeira; procuro verificar a natureza da interação entre professor; aluno e conteúdo; articulada pelos cursos. O instrumento utilizado na pesquisa foi o “Roteiro para avaliação de cursos on-line de idiomas”; proposto por Freire et al (2003: 245-276). Ele é dividido em sete áreas; passíveis de serem encontradas em uma interface; que se constituíram nas categorias de análise desse estudo; a saber: contextual; técnica; instrucional; interativa; afetiva; avaliativa e operacional. Os resultados evidenciam que grande parte dos cursos tem concepções behavioristas sobre o que é ensinar e aprender uma língua estrangeira; que são implementadas por meio do método da tradução e gramática. Em geral; as propostas que buscam fugir desse “modelo” não conseguem organizar-se em termos de atividades oferecidas aos alunos. No que se relaciona ao tipo de interação oferecida; ela é apenas rudimentar ou; na classificação de Primo (2003: 1-16); uma interação do tipo reativa. Sendo assim; grande parte dos cursos de inglês on-line analisados se constituem como repositórios e/ou transmissores virtuais de informação; corroborando a afirmação de Mason (1998); ao dizer que o modelo mais comum de cursos é o “apoiado no conteúdo” e; no qual se percebe a migração do conteúdo antes existente na forma presencial para a Internet; com conteúdos estáticos; estruturados em páginas na Rede e baixo nível de interação. Entretanto; cabe salientar; cada curso analisado investe-se de valor por representar um ensaio de como ensinar nesse novo meio; passível de ser aperfeiçoado e; principalmente; uma forma alternativa de socializar informações.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: UFSM/LETRAS
  • Área de Conhecimento: LINGÜÍSTICA
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2005
  • Tamanho: 1.92 MB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF: