Práticas Gerenciais Como Instrumento De Gestão Do Conhecimento: Um Estudo Comparativo Entre Empresas Certificadas E Empresas Não Certificadas Do Segmento Rochas Ornamentais No Estado Do Espírito Santo – Ivana Emerick De Barros Soares

Práticas Gerenciais Como Instrumento De Gestão Do Conhecimento: Um Estudo Comparativo Entre Empresas Certificadas E Empresas Não Certificadas Do Segmento Rochas Ornamentais No Estado Do Espírito Santo – Ivana Emerick De Barros Soares
Acessar

Resumo:

A motivação para fazer a presente pesquisa com foco na Gestão do Conhecimento, considerada parte da gestão estratégica organizacional, surgiu em consonância com a área de pesquisa do curso de Mestrado: Administração Estratégica. O estudo insere-se neste contexto, com objetivo de verificar se a Gestão do Conhecimento nas empresas, através do uso e percepção da importância de uso de práticas Gerenciais, tem impacto positivo na certificação ISO 9001:2000. A fundamentação teórica para suporte à pesquisa foi Gestão do Conhecimento no contexto da Teoria da Firma, Gestão do Conhecimento no contexto da Teoria da Agência, Gestão do Conhecimento no Contexto da Teoria do Comportamento Organizacional, Conhecimento no Contexto da Teoria das Decisões, Teoria do Conhecimento, Gestão do Conhecimento e Práticas Gerenciais com instrumento de verificação da Gestão do Conhecimento, o que permitiu verificar que a gestão do conhecimento permeia as atividades organizacionais, sinalizando para a qualidade dos produtos e serviços. A pesquisa foi efetuada no Segmento Rochas Ornamentais do Estado do Espírito Santo. A amostra foi composta de 38 (trinta e oito empresas), sendo 26 não certificadas e 12 (doze) certificadas. A análise dos resultados permitiu verificar uma tendência entre o uso de práticas gerenciais e a obtenção da certificação. Uma vez que, conforme definição dos autores, a gestão do conhecimento caracteriza-se pela organização de políticas, processos e ferramentas gerencias, através de uma melhor compreensão desses processos, diante do resultado, pode-se observar que as empresas certificadas possuem uma melhor gestão do conhecimento do que as empresas não certificadas. Porém, a percepção da importância de uso de práticas gerenciais não apresentou diferença significativa entre as empresas certificadas e não certificadas.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: FUCAPE/CIÊNCIAS CONTÁBEIS
  • Área de Conhecimento: ADMINISTRAÇÃO
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2007
  • Tamanho: 564.86 KB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF: