O Conceito De Ansiedade Na Análise Do Comportamento – Nilzabeth Leite Coelho

O Conceito De Ansiedade Na Análise Do Comportamento – Nilzabeth Leite Coelho
Acessar

Resumo:

A temática da ansiedade tem sido discutida na Psicologia enfocando os mais diferentes aspectos; mas uma definição consensual está longe de ser alcançada. A dificuldade se explica por diversas razões; dentre elas a ausência de uma referência precisa a relações comportamentais. Na literatura da Análise do Comportamento; também são encontradas divergências. Algumas explicações enfatizam o papel das contingências diretas como controladoras dos padrões de respostas ansiosas. Outras definições abordam aspectos verbais como possíveis fontes adicionais de controle. Nessas últimas; as múltiplas funções dos relatos autodescritivos dos indivíduos e o condicionamento semântico têm sido apontados como prováveis explicações. No presente trabalho; foram examinados 47 textos na literatura Analítico-Comportamental a fim de identificar os tipos de relações comportamentais que estão sendo sugeridas nos diferentes usos do conceito de ansiedade na Análise do Comportamento e a (in) compatibilidade dessas abordagens. O estudo tomou como referência categorias de registro que se referem ao que cada autor veicula em termos de componentes respondentes; operantes não verbais; operantes verbais e de perspectivas de intervenção. Uma análise mais qualitativa foi realizada com o uso de categorias analíticas que se reportam ao papel desempenhado pelas alterações fisiológicas na definição de ansiedade; das relações operantes verbais e não verbais envolvidas no fenômeno; e das implicações de cada uma dessas análises para a terapia verbal face a face. Este exame possibilitou a identificação de variações nas definições quanto ao tipo de relações comportamentais envolvidas; ao arranjo de contingências que produzem aquelas relações; às condições corporais produzidas concomitantemente pelas mesmas contingências; às funções dessas condições corporais nas relações comportamentais e aos processos por meio dos quais estímulos verbais participam dessas relações. No entanto; essas variações na definição podem ser entendidas enquanto análises complementares e não incompatíveis entre si. A explicação dos fenômenos comportamentais com base em um continuum de complexidade pode apresentar-se como um modelo capaz de agregar essas variações; possibilitado um entendimento das redes de relações que podem participar de uma instância de ansiedade; bem como da função desempenhada por cada um de seus componentes.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: UFPA/PSICOLOGIA (TEORIA E PESQUISA DO COMPORTAMENTO)
  • Área de Conhecimento: PSICOLOGIA
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2006
  • Tamanho: 729.25 KB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF:

Recomendamos para você

Abaixo você vai encontrar uma lista de livros que na nossa opinião podem ser interessantes para você.

São itens relacionados a esta oferta que você provavelmente vai gostar. Dá uma olhada! 👌

Termos relacionados

  • livro O Conceito De Ansiedade Na Análise pdf
  • livro O Conceito De Ansiedade Na Análise baixar
  • livro O Conceito De Ansiedade Na Análise epub
  • livro O Conceito De Ansiedade Na Análise comprar
  • livro O Conceito De Ansiedade Na Análise online
  • livro O Conceito De Ansiedade Na Análise mobi
  • livro O Conceito De Ansiedade Na Análise download