Níveis De Lisina Digestível E Suplementação De Ractopamina Na Ração Sobre O Desempenho E Características De Carcaça De Suínos Machos Castrados Em Terminação – Evelar Oliveira De Souza

Níveis De Lisina Digestível E Suplementação De Ractopamina Na Ração Sobre O Desempenho E Características De Carcaça De Suínos Machos Castrados Em Terminação – Evelar Oliveira De Souza
Acessar

Resumo:

O objetivo desse experimento foi avaliar diferentes níveis de lisina digestível em rações suplementadas com 20 ppm de ractopamina em suínos na fase de terminação sobre desempenho e características de carcaça. Foram utilizados 64 suínos da linhagem Agroceres-PIC, com peso inicial médio de 90,19 ± 0,46 kg, distribuídos em delineamento experimental de blocos ao acaso, com quatro níveis de lisina digestível (0,8, 0,9, 1,0 e 1,1%), oito repetições e dois animais por unidade experimental. Na distribuição dos animais, dentro de cada bloco, foi adotado, como critério, o peso inicial e o parentesco dos animais. Foram mensuradas medidas in vivo dos animais no ponto P1 e P2 no início e aos 28 dias do período experimental, para determinação da determinação espessura de toucinho nos mesmos. No final do experimento, um animal de cada unidade experimental foi abatido após jejum alimentar de 24 horas e de água nas últimas 12 horas. A meia carcaça esquerda foi escolhida para a determinação das medidas como: comprimento de carcaça medido pelo método brasileiro (CCMB) e americano (CCMA), espessura de toucinho no ponto P1 e P2, profundidade de músculo Longissimus dorsi (PMLD), área de olho de lombo (AOL), espessura de toucinho imediatamente após a última costela, na linha dorso-lombar (UC), espessura de toucinho entre a última e a penúltima vértebra lombar, na linha dorso-lombar (UL), maior espessura de toucinho na região da copa, na linha dorso-lombar (SH). No rendimento de cortes foram avaliados pernil, paleta, carré e filezinho. O consumo médio de lisina digestível dos suínos aumentou (P<0,01) de forma linear à medida que se elevou o nível de lisina da ração. Como não foi observado efeito significativo (P>0,05) dos tratamentos sobre o consumo de ração, o efeito linear encontrado sobre o consumo de lisina digestível, foi em resposta aos diferentes níveis de lisina nas rações. Não houve efeito (P>0.05) dos tratamentos sobre os parâmetros analisados como desempenho e rendimento de cortes, porém houve uma melhora em valores absolutos, quando comparados com outros trabalhos nas variáveis como, área de olho de lombo e rendimento de carne magra. Portanto, o nível de 0,80% de lisina digestível suplementado com 20 ppm de ractopamina em dietas para suínos machos castrados na fase de terminação durante os últimos 28 dias de vida, atende as necessidades para o melhor desempenho e características de carcaça estudados.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: UVV/CIÊNCIA ANIMAL
  • Área de Conhecimento: MEDICINA VETERINÁRIA
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2010
  • Tamanho: 194.01 KB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF:

Recomendamos para você

Abaixo você vai encontrar uma lista de livros que na nossa opinião podem ser interessantes para você.

São itens relacionados a esta oferta que você provavelmente vai gostar. Dá uma olhada! 👌

Termos relacionados

  • livro Níveis De Lisina Digestível E Suplementação pdf
  • livro Níveis De Lisina Digestível E Suplementação baixar
  • livro Níveis De Lisina Digestível E Suplementação epub
  • livro Níveis De Lisina Digestível E Suplementação comprar
  • livro Níveis De Lisina Digestível E Suplementação online
  • livro Níveis De Lisina Digestível E Suplementação mobi
  • livro Níveis De Lisina Digestível E Suplementação download