Níveis De Farelo De Algodão De Alta Energia Em Suplementos Múltiplos Para Bovinos Em Pastejo No Período Seco Do Ano – Rafaela Zanin

Níveis De Farelo De Algodão De Alta Energia Em Suplementos Múltiplos Para Bovinos Em Pastejo No Período Seco Do Ano – Rafaela Zanin
Acessar

Resumo:

Objetivou-se avaliar o efeito da substituição dos níveis da proteína oriunda do farelo de soja pela do farelo de algodão de alta energia em suplementos múltiplos para bovinos de corte em pastejo no período da seca Foram conduzidos dois experimentos, o primeiro utilizou cinco animais mestiços canulados no rúmen, com peso médio inicial de 380 kg, distribuídos em cinco piquetes de 0,24 hectare, em delineamento quadrado latino 5 x 5 com objetivo de avaliar o efeito dos tratamentos sobre o consumo, pH do liquido ruminal, concentração de amônia ruminal e nitrogênio ureico no plasma de acordo com os seguintes tratamentos: 0% farelo algodão alta energia e 100% farelo de soja (0FA); 25% farelo de algodão de alta energia e 75% farelo de soja (25FA); 50% farelo de algodão de alta energia e 50% de farelo de soja (50FA); 75% farelo de algodão de alta energia e 25% farelo de soja (75FA) e sal mineral (SAL) como tratamento controle, sendo fornecidos na quantidade de 2 Kg/animal/dia às 10:00 horas da manhã. O segundo experimento utilizou 20 novilhos Nelore, não castrados, com peso médio inicial de 350 kg, distribuídos em quatro piquetes de Brachiaria brizantha cv. Marandú com 1,6 ha cada, com uma disponibilidade de matéria seca total (MST) de 5.260 kg de MS/há, em delineamento inteiramente casualizado.com o objetivo de avaliar os ganhos de peso total (GP Total), ganho médio diário (GMD) e custos de produção com os seguintes tratamentos: 0% farelo algodão de alta energia e 100% farelo de soja (0FA); 25% farelo de algodão de alta energia e 75% farelo de soja (25FA); 50% farelo de algodão de alta energia e 50% de farelo de soja (50FA) e sal mineral (SAL) como tratamento controle, sendo fornecidos aos animais na quantidade de 2 Kg/animal/dia às 10:00 horas da manhã. Não observou diferença de tratamento (p=0,1965) no consumo de MS total em kg/dia, porem em % do peso vivo houve diferença (p=0,013). Em relação ao N-NH3 todos os tratamentos foram diferentes (P<0,0001), assim como a concentração do nitrogênio ureico no plasma (P<0,0001). Os valores de pH ruminal não foram influenciados pela composição dos suplementos ou pelo tempo de mensuração (p=0,9961). Observou diferenças (P<0,01) entre os níveis de inclusão do farelo de algodão de alta energia sobre o ganho médio diário dos animais, sendo que o suplemento com inclusão de 25% farelo de algodão de alta energia proporcionou o melhor desempenho, não havendo diferenças (P>0,01)) entre os demais. Na analise econômica foi observado maior retorno para o tratamento 25FA.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: UFMT/CIÊNCIA ANIMAL
  • Área de Conhecimento: MEDICINA VETERINÁRIA
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2009
  • Tamanho: 417.35 KB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF:

Recomendamos para você

Abaixo você vai encontrar uma lista de livros que na nossa opinião podem ser interessantes para você.

São itens relacionados a esta oferta que você provavelmente vai gostar. Dá uma olhada! 👌

Termos relacionados

  • livro Níveis De Farelo De Algodão De pdf
  • livro Níveis De Farelo De Algodão De baixar
  • livro Níveis De Farelo De Algodão De epub
  • livro Níveis De Farelo De Algodão De comprar
  • livro Níveis De Farelo De Algodão De online
  • livro Níveis De Farelo De Algodão De mobi
  • livro Níveis De Farelo De Algodão De download