Investigando A Concepção De Frações De Alunos Nas Séries Finais Do Ensino Fundamental E Do Ensino Médio – Adegundes Maciel Da Silva

Teses e dissertações PDF
Acessar

Resumo:

O estudo das frações tem se tornado; ao longo dos anos; tema de discussões por grande parte dos educadores matemáticos. Resultados publicados pelo Sistema de Avaliação Educacional de Pernambuco (SAEPE) se mostram pouco animadores em relação ao ensino deste tópico; seja no Ensino Fundamental ou no Ensino Médio. O ensino das frações só inicia na 3ª série e algumas literaturas já defendem que esta prática seja bem antes – a partir do 1º ano escolar. Diante deste quadro; podemos perceber a complexidade que existe e o tempo necessário para que o aluno apreenda os conceitos de fração. Com o objetivo de identificar a concepção de frações e de equivalência de frações de alunos nas séries finais do Ensino Fundamental e do Ensino Médio; foi realizado um teste diagnóstico com 630 alunos de escolas; uma da Rede Municipal do Recife e outra da Rede Estadual de Pernambuco. Este instrumento foi composto de dez questões; que foram tabuladas e graficamente analisadas; envolvendo frações como: parte-todo; quociente e operador; a influência de figuras nas questões; quantidades discretas e contínuas; além de equivalência das frações. Os resultados revelam que os melhores desempenhos estiveram nas séries centrais (6ª e 7ª séries) e a partir do 2º ano do Ensino Médio. Várias concepções foram encontradas; como; por exemplo: entre duas frações; quanto maiores os seus termos correspondentes; maior será a fração; quanto maior o denominador; menor será a fração; em qualquer circunstância; a equivalência de frações está estritamente associada à igualdade entre seus termos correspondentes; para determinar a fração correspondente numa figura de partes pintadas; não importa se as partes que foram divididas sejam iguais; a concepção de metade em figuras pintadas está condicionada à contigüidade dessas partes e a não importância da eqüidade entre as partes pintadas e não-pintadas; e puderam expressar o quanto a influência dos números naturais cria barreiras na aprendizagem das frações; o bom desempenho nas equivalências das frações só acontece a partir da 7ª série e de forma crescente com a escolaridade; a presença de figuras nas questões como de quantidades contínuas promoveu aumento de rendimento na maioria dos itens do instrumento.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: UFRPE/ENSINO DAS CIÊNCIAS
  • Área de Conhecimento: EDUCAÇÃO
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2006
  • Tamanho: 996.95 KB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF:

Recomendamos para você

Abaixo você vai encontrar uma lista de livros que na nossa opinião podem ser interessantes para você.

São itens relacionados a esta oferta que você provavelmente vai gostar. Dá uma olhada! 👌

Termos relacionados

  • livro Investigando A Concepção De Frações De pdf
  • livro Investigando A Concepção De Frações De baixar
  • livro Investigando A Concepção De Frações De epub
  • livro Investigando A Concepção De Frações De comprar
  • livro Investigando A Concepção De Frações De online
  • livro Investigando A Concepção De Frações De mobi
  • livro Investigando A Concepção De Frações De download