Investigação Da Dessensibilização E Internalização De Adrenoceptores Α1A Nativos E Recombinantes – Juliana Akinaga

Teses e dissertações PDF
Acessar

Resumo:

Os α1-ARs são membros da superfamília de receptores acoplados à proteína G (GPCR), podendo ser divididos em três diferentes subtipos (α1A-, α1B- e α1D-ARs), sendo todos semelhantemente ativados pela noradrenalina e adrenalina. Os agonistas seletivos de α1-ARs podem ser classificados em duas classes químicas, as feniletilaminas e as imidazolinas e são utilizados, por exemplo, para tratamento de hipotensão e também como descongestionantes nasais. O presente estudo investigou a capacidade dos agonistas de α1-ARs induzirem taquifilaxia nas contrações do ducto deferente de rato e internalização de α1A-ARs conjugados com proteína fluorescente verde (GFP) expressos em células HEK293. Os resultados mostram que dentre todos os agonistas testados da classe das feniletilaminas (noradrenalina, metoxamina e fenilefrina) e imidazolinas (A61603, nafazolina e oximetazolina) apenas a oximetazolina foi capaz de induzir taquifilaxia em curvas concentração-resposta consecutivas próprias e também em curvas concentração- resposta de noradrenalina feitas em preparações de ducto deferente de rato. A taquifilaxia induzida pela oximetazolina é dependente da ativação de α1A-ARs, uma vez que a incubação concomitante da oximetazolina com o antagonista seletivo de α1-ARs, o prazosin, inibiu a taquifilaxia. Estudos feitos com microscopia confocal utilizando α1A-ARs conjugados com GFP mostram que a oximetazolina é capaz de induzir um aumento da fluorescência intracelular já nos primeiros 5 minutos de incubação enquanto que a noradrenalina não é capaz de induzir aumento do mesmo parâmetro mesmo após 30 minutos de incubação. Esse aumento da fluorescência intracelular é um indicativo do processo de internalização dos α1A-ARs conjugados com GFP induzido pela oximetazolina mas não pela noradrenalina e pode estar relacionado com a taquifilaxia observada nos experimentos funcionais. Entretanto, estudos adicionais mais profundos devem ser feitos para melhor compreensão dos mecanismos de dessensibilização e internalização induzidos pela oximetazolina no presente estudo.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: UNESP/BOT/CIÊNCIAS BIOLÓGICAS (FARMACOLOGIA)
  • Área de Conhecimento: FARMACOLOGIA
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2008
  • Tamanho: 1.94 MB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF:

Recomendamos para você

Abaixo você vai encontrar uma lista de livros que na nossa opinião podem ser interessantes para você.

São itens relacionados a esta oferta que você provavelmente vai gostar. Dá uma olhada! 👌

Termos relacionados

  • livro Investigação Da Dessensibilização E Internalização De pdf
  • livro Investigação Da Dessensibilização E Internalização De baixar
  • livro Investigação Da Dessensibilização E Internalização De epub
  • livro Investigação Da Dessensibilização E Internalização De comprar
  • livro Investigação Da Dessensibilização E Internalização De online
  • livro Investigação Da Dessensibilização E Internalização De mobi
  • livro Investigação Da Dessensibilização E Internalização De download