Interações Entre O Fungo Paracoccidioides Brasiliensis E O Sistema Complemento: Comparação Entre Cepas De Alta E De Baixa Virulência – Renan Gomes Toledo

Teses e dissertações PDF
Acessar

Resumo:

A blastomicose sul-americana, doença de Lutz-Splendore-Almeida ou paracoccidioidomicose (PCM) é causada pelo fungo Paracoccidioides brasiliensis (P. brasiliensis), cujas manifestações clínicas estão relacionadas com lesões granulomatosas localizadas nos pulmões até infecção. O P. brasiliensis, assim como outros fungos, possui em sua parede celular um repertório de carboidratos composto, dentro outros, por resíduos de manose. Esses resíduos são potenciais candidatos à ativação da via das lectinas do sistema complemento. Esse sistema é composto pelas vias clássica, alternativa e das lectinas. Cada uma delas é iniciada por ativadores distintos, mas acabam por convergir para um ponto em comum da cascata, culminando na formação de um poro protéico lítico para patógenos. Neste estudo, tivemos como objetivo estudar a ativação da via das lectinas do sistema complemento humano pelo consumo dos componentes C4 e MBL, elementos chave dessa via. Dentro desse propósito, avaliamos também as diferenças de consumo desses componentes por leveduras de cepas com graus de virulência distintos: Pb18 (altamente virulenta), Pb18 (94) (variante avirulenta da Pb18) e Pb265 (levemente virulenta). Nossos resultados mostraram que o P. brasiliensis é capaz de consumir C4 e MBL em condições favoráveis para ativação dessa via. Percebemos também que as cepas Pb265 e Pb18(94) consomem com maior intensidade C4 do que a cepa Pb18. Ao contrário, culturas de Pb18 que estavam sendo subcultivadas por longos períodos, tiveram seu nível de depleção de C4 reduzido se comparado com o Pb18. Os ensaios foram realizados com leveduras vivas ou liofilizadas e os resultados foram equivalentes. Concluímos que o P. brasiliensis foi capaz de consumir os componentes MBL e C4 nas condições experimentais utilizadas, o que indica fortemente que o fungo pode ativar a via das lectinas do sistema complemento humano, in vitro.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: UENF/BIOCIÊNCIAS E BIOTECNOLOGIA
  • Área de Conhecimento: INTERDISCIPLINAR
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2008
  • Tamanho: 1.62 MB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF:

Recomendamos para você

Abaixo você vai encontrar uma lista de livros que na nossa opinião podem ser interessantes para você.

São itens relacionados a esta oferta que você provavelmente vai gostar. Dá uma olhada! 👌

Termos relacionados

  • livro Interações Entre O Fungo Paracoccidioides Brasiliensis pdf
  • livro Interações Entre O Fungo Paracoccidioides Brasiliensis baixar
  • livro Interações Entre O Fungo Paracoccidioides Brasiliensis epub
  • livro Interações Entre O Fungo Paracoccidioides Brasiliensis comprar
  • livro Interações Entre O Fungo Paracoccidioides Brasiliensis online
  • livro Interações Entre O Fungo Paracoccidioides Brasiliensis mobi
  • livro Interações Entre O Fungo Paracoccidioides Brasiliensis download