Interação Do Peptídeo Mp-I Com Micela De Sds Em Solução Aquosa: Um Estudo Por Dinâmica Molecular – Tamára Rodrigues Valder

Teses e dissertações PDF
Acessar

Resumo:

Moléculas de Dodecil Sulfato de Sódio (SDS) em solução aquosa podem formar aglomerados micelares em condições adequadas de concentrações, pH, temperatura e força iônica, devido às características polar/apolar de suas cabeças/caudas. Essas micelas, aniônicas, mimetizam o ambiente da membrana de células procariontes e são usados como modelo no estudo da interação de peptídeos antimicrobianos com membranas das bactérias. Neste trabalho usamos simulações por dinâmica molecular de equilíbrio para estudar a interação do peptídeo Polybia MP-I com micela de SDS em solução aquosa, considerando tanto a situação em que a micela está pré-formada como a de automontagem da micela na presença do peptídeo. Mostramos que em ambos os casos o peptídeo se insere na micela de forma aproximadamente paralela à membrana, com a cadeia principal enterrada na região de interface entre as caudas e as cabeças polares das moléculas de SDS e os grupos carregados localizados na interface das cabeças polares com a solução. Estes dados confirmam modelos de inserção de peptídeos antimicrobianos em membranas existentes na literatura. Discutimos também a estabilidade da estrutura helicoidal anfipática do peptídeo em função da solvatação de sua cadeia principal, que proporciona a manutenção de uma rede de ligações de hidrogênio do tipo NH — O entre resíduos do tipo n-(n+4) da cadeia principal, típicos de estruturas em alfa – hélice. Além disso, os resultados indicam que pontes salinas formadas entre os grupos negativos dos resíduos do ácido aspártico (Asp) 2 e 8 com resíduos de lisinas 5 e 11 são importantes para a manutenção da estrutura do peptídeo. Os resultados indicam também que a estrutura micelar mantém-se aproximadamente esférica com ou sem o peptídeo independente do processo para acomodar o peptídeo e, no caso da automontagem, um maior número de moléculas de SDS. Apresentamos também um estudo da estabilidade de micelas pré-formadas com a temperatura.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: UNESP/BIOFÍSICA MOLECULAR
  • Área de Conhecimento: BIOFÍSICA
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2010
  • Tamanho: 2.15 MB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF:

Recomendamos para você

Abaixo você vai encontrar uma lista de livros que na nossa opinião podem ser interessantes para você.

São itens relacionados a esta oferta que você provavelmente vai gostar. Dá uma olhada! 👌

Termos relacionados

  • livro Interação Do Peptídeo Mp-I Com Micela pdf
  • livro Interação Do Peptídeo Mp-I Com Micela baixar
  • livro Interação Do Peptídeo Mp-I Com Micela epub
  • livro Interação Do Peptídeo Mp-I Com Micela comprar
  • livro Interação Do Peptídeo Mp-I Com Micela online
  • livro Interação Do Peptídeo Mp-I Com Micela mobi
  • livro Interação Do Peptídeo Mp-I Com Micela download