Deslocamentos Cotidianos No Espaço Metropolitano As Trajetórias Maracanaú-Fortaleza – Francisco Oliveira De Sousa Neto

Deslocamentos Cotidianos No Espaço Metropolitano As Trajetórias Maracanaú-Fortaleza – Francisco Oliveira De Sousa Neto
Acessar

Resumo:

Na atualidade, ao mesmo tempo em que se aprofunda a divisão social e territorial do trabalho, as dinâmicas urbanas cada vez mais se integram, aumentam as velocidades dos fluxos de matéria (mercadorias, pessoas) e energia (informação) que permeiam os territórios metropolitanos. Múltiplos são os sujeitos sociais e agentes (Estado, Capital) envolvidos nestes processos. Assim, a mobilidade é uma condição necessária à vida nas cidades. Com efeito, este trabalho tem por objetivo analisar em que contexto acontecem os deslocamentos pendulares ocorrentes na Região Metropolitana de Fortaleza, com origem na integração dos municípios de Maracanaú-Fortaleza. É por meio dos deslocamentos cotidianos que se evidenciam a condição social do morador, as relações de poder e os conflitos, que permeiam a produção do espaço urbano metropolitano. Em síntese, buscar-se-á compreender os limites e possibilidades estratégicas que a mobilidade traz ao morador no seu direito à cidade, a uma vida, a uma sociabilidade, transpondo a produção e o consumo. Motivado pela busca por trabalho ou outra necessidade cotidiana, esse fenômeno se materializa como uma condição de classe, onde estes sujeitos redefinem no cotidiano sua concepção de espaço, tempo e direitos sociais.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: UFC/GEOGRAFIA
  • Área de Conhecimento: GEOGRAFIA
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2010
  • Tamanho: 9.83 MB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF: