Dança De Rua Como Processo Educativo Estético Com Adolescentes Em Situação De Vulnerabilidade Social – Andrea Bona Ughini

Dança De Rua Como Processo Educativo Estético Com Adolescentes Em Situação De Vulnerabilidade Social – Andrea Bona Ughini
Acessar

Resumo:

Este texto descreve o estudo realizado com o objetivo de investigar o significado da dança de rua e que processos educativos acontecem com adolescentes que utilizam esta expressiva linguagem e se encontram em situação de vulnerabilidade social. Situa-se na linha de pesquisa processo educativos e linguagem e trata-se de uma pesquisa qualitativa, caracterizada como um estudo de caso etnográfico de cunho fenomenológico. Do grupo participaram quinze adolescentes do sexo masculino com idade entre quatorze e dezesseis anos, participantes de um projeto de extensão da Faculdade de Educação Física e Fisioterapia da Universidade de Passo Fundo. Os dados relatados são resultantes das observações, realizadas durante a oficina, registradas em um diário de campo e, posteriormente, compreendidas com base no método fenomenológico proposto por Giorgi (1985) e Comiotto (1992). Após a aplicação do método fenomenológico aos dados coletados, três essências emergiram: sociabilidade e ressignificação de grupo; dança de rua e estratégia gestual; corporeidade e educação estética. O significado da dança de rua para os adolescentes relaciona-se ao seu entendimento como elemento essencial para manifestação de sua cultura e afirmação de sua identidade; sua vivência lhes possibilita ressignificarem sua forma de ser e estar no e com o mundo. Constitui-se num processo educativo estético que propiciou o vislumbrar da construção de uma vida digna para si, ao mesmo tempo em que operam o autorresgate perante as situações de risco.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: UPF/EDUCAÇÃO
  • Área de Conhecimento: EDUCAÇÃO FÍSICA
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2009
  • Tamanho: 7.41 MB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF: