Carreira Tradicional Versus Carreira Proteana: Um Estudo Comparativo Sobre A Satisfação Com A Profissão, Carreira E Emprego – Guilherme Assuncão De Andrade

Carreira Tradicional Versus Carreira Proteana: Um Estudo Comparativo Sobre A Satisfação Com A Profissão, Carreira E Emprego – Guilherme Assuncão De Andrade
Acessar

Resumo:

No momento em que a tecnologia transforma todo o cenário do mercado de trabalho; modificam-se as relações empregado-empresa. Este estudo intentou conhecer se as atitudes dos profissionais que se inserem no mercado são mais aderentes à idéia da carreira tradicional ou à idéia da carreira auto-dirigida ou proteana; verificar qual o grau de satisfação com a carreira; profissão e emprego; e qual a relação destas variáveis com âncoras de carreira. Inicialmente foi feito um levantamento teórico sobre os conceitos de carreira e sobre satisfação no trabalho. Centrado neste objetivo; adotou-se o conceito de Carreira Proteana de HALL (1976) e o modelo de Âncoras de Carreira de SCHEIN (1990); dentre outros instrumentos. Nesta pesquisa houve a participação de 113 profissionais de diferentes cargos e empresas; estudantes de Graduação; Pós-Graduação e Mestrado; em escolas particulares. No que tange aos procedimentos metodológicos; a pesquisa é de natureza descritiva e com caráter quantitativo. Quanto aos meios tratou-se de um survey com uma amostra intencional; sendo utilizado como procedimento e instrumento de coleta de dados o questionário. No que se refere às âncoras de carreira; a dimensão “Estilo de Vida” foi a que apresentou a média mais elevada; indicando a tendência de se buscar uma carreira que permita integrar as necessidades pessoais; familiares e de trabalho. Foi detectada uma maior inclinação dos profissionais pesquisados para trilhar a carreira do tipo “Proteana” e não foram encontradas correlações entre o tipo de carreira e a satisfação com a carreira; profissão e emprego. O mesmo ocorrendo entre esses tipos de satisfação e as âncoras de carreira; indicando que não há uma determinada âncora que possa proporcionar uma maior satisfação profissional do que outras. Para estudos futuros recomenda-se que se proceda a uma revisão das escalas utilizadas de satisfação e âncoras de carreira; de maneira que esses construtos possam ter uma maior confiabilidade maior.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: FUMEC/ADMINISTRAÇÃO
  • Área de Conhecimento: ADMINISTRAÇÃO
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2009
  • Tamanho: 712.19 KB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF: