Belo Horizonte “Democrática-Popular”: Uma Análise Descritiva Das Instituições De Participação Popular Em Belo Horizonte – Ana Flávia Martins Machado

Belo Horizonte “Democrática-Popular”: Uma Análise Descritiva Das Instituições De Participação Popular Em Belo Horizonte – Ana Flávia Martins Machado
Acessar

Resumo:

Desde a Constituição de 1988, e como conseqüência desta, o país vem experimentando novos modelos de instituições de participação popular, como forma de incentivar e permitir a participação da sociedade civil na discussão e definição de políticas públicas, espaços até então ocupados exclusivamente pelos governos. Em Belo Horizonte, observa-se, desde 1993, quando assumiu o governo municipal o Partido dos Trabalhadores, um número crescente destas instituições, especialmente dos conselhos e comissões de políticas públicas, atuando nas iversas áreas de atuação do governo local. Este trabalho apresenta um quadro descritivo destas instituições, a partir de um levantamento e análise de definições formais e suas regras de funcionamento, e descreve suas características principais. A partir deste levantamento, este trabalho busca ainda indicar possíveis limites e/ou potenciais destas instituições na democratização da gestão municipal em análise.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: UFMG/CIÊNCIA POLÍTICA
  • Área de Conhecimento: CIÊNCIA POLÍTICA
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2007
  • Tamanho: 1.71 MB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF: