A Educação No Pensamento De Hipólito José Da Costa: A Ação Pedagógica Do Correio Braziliense No Processo De Independência Do Brasil – Fernanda Regina Cinque

A Educação No Pensamento De Hipólito José Da Costa: A Ação Pedagógica Do Correio Braziliense No Processo De Independência Do Brasil – Fernanda Regina Cinque
Acessar

Resumo:

Este estudo analisa o pensamento de Hipólito da Costa (1774-1823) exposto no jornal Correio Braziliense; publicado em Londres no período de 1808 a 1822. Tem por objetivo relacionar suas idéias com a educação a fim de demonstrar o caráter educativo que a imprensa; no século XIX; desempenhou no processo de independência do Brasil; instruindo os homens no sentido de consubstanciar as práticas burguesas em território brasileiro; até então Colônia. Trata-se de um estudo de cunho bibliográfico; que utiliza; como fontes primárias; os escritos de Hipólito da Costa proclamados no Correio Braziliense e; como fontes secundária; os escritos de autores da época e da contemporaneidade que contribuem para a elucidação das questões formuladas no período estudado. É uma pesquisa conduzida pelos fundamentos da análise histórica; eixo teórico-metodológico que toma como ponto de partida os embates humanos realizados em favor da construção e da reprodução das condições de vida; neste caso específico; a contribuição das idéias defendidas por Hipólito da Costa no processo de independência do Brasil; bem como a amplitude do debate travado contra as forças conservadoras representadas pelo domínio português. Defensor do liberalismo nos moldes ingleses; encontrou no exílio em Londres as condições propícias para elaborar idéias e propostas que poderiam levar Portugal e Brasil ao estabelecimento de práticas mais concatenadas ao grau de desenvolvimento material já existente. Lutou pelo fim da condição colonial e de todo sistema de monopólio insistentemente mantido pelos portugueses. Para isso; foi incessante na defesa da liberdade de imprensa; instrumento que possibilitaria; a seu ver; a apreensão dos conhecimentos considerados “úteis” e necessários à implantação das práticas burguesas já predominantes. Suas propostas; ao abordarem diretamente os aspectos conflitantes entre os interesses políticos e econômicos dos portugueses em relação à Colônia; apresentavam forte sentido educativo na medida em que as mudanças que indicava exigiam a educação da elite brasileira e; conseqüentemente; a sua instrução no que havia de mais moderno no mundo burguês. Este propósito indica a ação pedagógica realizada pelo Correio Braziliense ao longo dos 14 anos em que se dirigiu aos brasileiros; evidenciando o esforço de uma época histórica em abrir caminho ao desenvolvimento material nas nações distanciadas do eixo civilizado; como o era a burguesia européia.

Detalhes:

  • Categoria: Teses e dissertações
  • Instituição: UEM/EDUCAÇÃO
  • Área de Conhecimento: EDUCAÇÃO
  • Nível: Mestrado
  • Ano da Tese: 2007
  • Tamanho: 739.17 KB
  • Fonte: Portal Domínio Público

Faça download do ebook em PDF: