Fábula 'O Mercúrio E O Escultor'

O Mercúrio E O Escultor

O MERCÚRIO E O ESCULTOR

Esopo

Mercúrio estava muito ansioso para saber em que estimativa estava sendo valorizado pela humanidade, assim, disfarçou-se de homem e entrou num estúdio de escultores, onde havia uma série de estátuas acabadas e prontas para venda.

Ao ver uma estátua de Júpiter entre as demais, ele perguntou o preço dela. Disse o escultor:

– “Uma coroa.”

Mercúrio disse rindo:

“É só isso?”

Apontando para uma de Juno, perguntou:

– “Quanto custa essa?”

Respondeu o escultor:

– “Custa meia coroa.”

Apontando agora para uma estátua dele mesmo, perguntou:

– “E quanto é que tu queres por aquela ali, agora?”

Respondeu o escultor:

– “Aquela? Oh, eu te darei de graça se comprares as outras duas.”

Moral da história: Nem sempre as pessoas te verão com o mesmo valor que pensa ter.

 

Fonte: Fábulas de Esopo