A Revoluäào Portugueza: O 31 De Janeiro (Porto 1891), O 5 De Outubro (Lisboa 1910) – Francisco Jorge De Abreu

A Revoluäào Portugueza: O 31 De Janeiro (Porto 1891), O 5 De Outubro (Lisboa 1910) – Francisco Jorge De Abreu
Acessar

Detalhes do livro:

  • Título: A Revoluäào Portugueza: O 31 De Janeiro (Porto 1891), O 5 De Outubro (Lisboa 1910)
  • Autor: Francisco Jorge De Abreu
  • Formatos: eBook Kindle, PDF
  • Tamanho do arquivo: 1005 KB
  • Número de páginas: 447 páginas
  • Editora: Library of Alexandria (29 de julho de 2009)
  • Vendido por: Amazon Serviços de Varejo do Brasil Ltda

Leia a sinopse:

A REVOLUÅÁO PORTUGUEZA…O 31 DE JANEIRO (PORTO 1891), por Jorge d’Abreu. CAPITULO I O movimento de 31 de janeiro filia-se no >ultimatum> de 1890 A revolta militar de 31 de janeiro de 1891 caracterisou-se pela precipitaäào com que foi decidida e a pouca ou nenhuma reserva com que foi organisada. Durante mezes uma parte do paiz teve conhecimento quasi minucioso de que se conspirava contra a monarchia e que na conspiraäào entravam elementos de importancia recrutados na officialidade dos regimentos que a guarneciam. No emtanto a explosào patriotica, que na madrugada de 31 fez triumphar por algumas horas a bandeira verde e vermelha, surprehendeu muita gente porque apenas uma insignificante minoria nào julgava extemporaneo o rebentar da bomba. A causa unica do movimento podemol-a filiar no ultimatum de 1890. Por espaäo d’um anno, a agitaäào popular, que essa chicotada diplomatica provocara nos primeiros instantes…agitaäào que, no dizer de Joào Chagas, trouxera pela primeira vez para a rua, a manifestarem-se, ªhomens graves e de chapeu altoº…por espaäo d’um anno, repetimos, essa{8} agitaäào minou profundamente diversas camadas sociaes e fez augmentar por uma forma extraordinaria o descontentamento da naäào, a sua hostilidade contra o regimen monarchico e o soberano. Viu-se claramente, n’esse momento grave da vida portugueza, que, ao substituir-se o ministerio abatido pelo ultimatum, o novo governo procurara antes de mais nada deitar uma escïra ao throno, desprezando em absoluto as reclamaäñes do povo, a sua grita sedenta de justiäa. CalcÞra-se a patria para sustentar no poder o monarcha brigantino. A dignidade da naäào, o seu anceio fervoroso de que o ultimatum obrigasse a politica governativa a mudar de processos, a trabalhar com seriedade, uma e outro foram espesinhados pelo empenho dos aulicos da monarchia em precavel-a da marcha progressiva das ideias democraticas. D’ahi o exodo para o partido republicano de muitos dos homens que atæ entào tinham tentado servir os partidos monarchicos com boa fæ e dedicaäào

Faça download do resumo em PDF:

Trecho grátis:

Leia abaixo um trecho do livro A Revoluäào Portugueza: O 31 De Janeiro (Porto 1891), O 5 De Outubro (Lisboa 1910) – Francisco Jorge De Abreu gratuitamente. Clique no botão *Leia agora para acessar o livro em uma nova aba no navegador, ou clique em *Compre na Amazon para adquirir este livro.

O site Livraria Pública apenas disponibiliza uma amostra grátis do livro "A Revoluäào Portugueza: O 31 De Janeiro (Porto 1891), O 5 De Outubro (Lisboa 1910) – Francisco Jorge De Abreu", não violando os direitos do autor/editora.

Onde comprar este livro?

Gostou da leitura? Então considere adquirir este livro!

Veja as avaliações que este livro está recebendo

Leia as opiniões que os leitores estão escrevendo sobre este livro

Recomendamos para você

Abaixo você vai encontrar uma lista de livros que na nossa opinião podem ser interessantes para você.

São itens relacionados a esta oferta que você provavelmente vai gostar. Dá uma olhada! 👌

Termos relacionados

  • livro A Revoluäào Portugueza: O 31 De pdf
  • livro A Revoluäào Portugueza: O 31 De baixar
  • livro A Revoluäào Portugueza: O 31 De epub
  • livro A Revoluäào Portugueza: O 31 De comprar
  • livro A Revoluäào Portugueza: O 31 De online
  • livro A Revoluäào Portugueza: O 31 De mobi
  • livro A Revoluäào Portugueza: O 31 De download